quarta-feira, 15 de março de 2017

A ADVERSIDADE GERA FORÇA

Quando ainda criança vi um filme que contava história de pessoas com câncer e as dificuldades que as famílias e o paciente passava mas o que me marcou mesmo foi a cena final do filme em que duas crianças de mãos dados uma delas não tinhas os dedos apenas a palma da mão.
Quando recebi pela primeira vez o diagnóstico de câncer não conhecia direito essa doença e seus históricos na vida das pessoas apenas pensava que a vida acabaria logo para tanto chorei como criança ao ouvir aquelas palavras.
Com a ajuda incansável da minha esposa começamos a buscar por tratamento e informações. Desde então passamos a entender melhor e a estudar a doença e descobrimos que havia cura e que o tratamento o quanto mais rápido começasse maiores eram as chances de cura
Durante o tratamento conhecemos várias pessoas e suas histórias e como elas passaram a encarar a vida desde então e assim passamos a combater o câncer com otimismo apesar dos percalços pelo caminho. Ao investigar melhor as origens dessa doença descobrimos que vários familiares meus na parte materna tiveram câncer ou tinha disposição de ter no futuro tanto que o meu oncologista disse que não poderia afirmar com 100% de certeza mas havia a chance da minha doença ser hereditária, mas também poderia ser causado por estresse, hábitos errados(http://vitoriasobreocancer.blogspot.com.br/p/informacoes-importantes.html) e etc....
Hoje consigo através dos meus posts nas mídias sociais ajudar a muitas pessoas
Muitas das pessoas que conheci durante o tratamento hoje vivem uma vida normal com a doença estabilizada ou completamente curada.
Enfim venci várias etapas dessa jornada e continuarei vencendo.


Se você conhece alguém que esteja passando por isso convide a ver minhas histórias nas páginas e curta https://www.facebook.com/VitoriaSobreOCancer/

E lembre-se ninguém está sozinho

Deus abençoe a todos









quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

ATUALIZE SUAS METAS

Estamos no início de um novo ano e com ele a semente da esperança, o trabalho é fundamental para esse início e por isso deixo aqui o meu conselho, atualize suas metas para 2017.

Coloque no papel coisas nas quais você gostaria de e pratique todos os dias, exemplo: consultas regulares ao médico, aprender algum idioma, fazer exercícios, ler um livro e etc....

Acredito que desta forma nós conseguiremos ter uma qualidade de vida melhor e ter mais tempo para família.

Um bom começo de ano todos.


Emissário Submarino - Santos/SP



sábado, 31 de dezembro de 2016

Feliz 2017

Mais um ano se encerra e com ele as lutas

Fiquei feliz durante este ano e estou otimista com os vários relatos que tenho acompanhado nos noticiários de pessoas tem vivido felizes e acima de tudo tem vencidos as doenças
Várias as manifestações positivas em prol de uma vida melhor

Agradeço a Deus por mais um ano de vida e saber que todas as pessoas que passaram pela luta contra o câncer e tem vencido e as pessoas que neste momento estão na luta rumo a vitória que Deus é conosco

A luta continua pessoal.......... Feliz 2017

Hortoflorestal de São Vicente

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Homenagem aos amigos e familiares

Desde ontem estou assistindo uma série que relata sobre a dificuldade que os pacientes com câncer enfrentam em todo o Brasil. Pessoas que tem que ir de uma cidade a outra para começar um tratamento que no sistema único de saúde (SUS) pode levar meses. Muitos dos pacientes por não encontrar em sua cidade ou na sua região é obrigado a se deslocar mesmo sem recursos e iniciar o tratamento em outra cidade, acordando cedo e muitas vezes no final da madrugada e tendo que percorrer vários quilômetros por até 7 horas dependendo da localização.
Infelizmente essa é a realidade do nosso país e do sistema de saúde como um todo, o câncer é uma doença silenciosa e que assim que descoberto deve ser tratado com rapidez e eficácia somente nós que passamos por esse doloroso tratamento sabe o quanto é importante iniciar o tratamento. Falta estrutura hospitalar multidisciplinar, profissionais competentes e comprometidos a ajudar (Vamos exigir mais dos nossos políticos).
Ao mesmo tempo em que essas pessoas têm dificuldade também existe outras pessoas e projetos que movidas por amor ao próximo ajudam essas pessoas que tem que se deslocar vários quilômetros e muitas vezes não tem dinheiro para se alimentar ou descansar, eles encontram refúgio nesses locais de ajuda mutua. Quando iniciei meu tratamento houve que me estendeu a mão em ajuda.
Lembrei-me do início do tratamento e dos amigos do antigo trabalho que me ajudaram financeiramente e com palavras de apoio e apesar da distância ainda recebo notícia de todos.
Agradeço de coração a todos os meus amigos e familiares que estenderam a mão naquele momento tão difícil.

Em todo o tempo ama o amigo e para a hora da angústia nasce o irmão. 




sexta-feira, 29 de julho de 2016

REUNIÃO DO PROJETO - LINCOLN REIS

Boa noite amigos!
Convido a todos os amigos ostomizados ou que tenha parente nesta situação a participar desta reunião que contará com a presença do Ilustre prefeito de Santos o Sr. Paulo Alexandre
Na companhia do meu amigo e pré candidato o Sr. Lincoln Reis vamos apresentar entre outros projetos a criação da Associação de Ostomizados da Baixada Santista - AOBS
Estamos bastante otimista e contamos com a presença de todos
LOCAL: ASSOCIAÇÃO RENATINHO
ENDEREÇO: RUA PAULO CLEMENTE SANTINI,126
MORRO NOVA CINTRA - SANTOS


Associação de Ostomizados e Incontinentes da Baixada Santista – AOBS

Olá, meu nome é Marcelo Andrade.

     Sou Ostomizado, pretendo criar uma associação sem fins lucrativos, “Associação de Ostomizados e Incontinentes da Baixada Santista – AOBS” e gostaria de convidá-lo(a) para fazer parte da diretoria.
Através da AOBS pretendo lutar por maior regularidade e disponibilidade no fornecimento de bolsas coletoras, medicamentos, prestação do serviço de transporte e assistência interdisciplinar integral (médicos, enfermeiros, assistentes sociais, advogados,...). Será possível ainda, fazer convenio com os planos e operadoras de saúde (A Lei 12.738 obriga os planos e operadoras de saúde a fornecerem bolsas coletoras para pacientes ostomizados que pagam pelo serviço).
Essa instituição permitirá participar de editais para captar recursos financeiros visando viabilizar por exemplo: construção de  adaptadores banheiro para residência para famílias de baixa renda e a criação de um local próprio de apoio e atendimento aos Ostomizados, próximo ao Guilherme Alvaro. Existe ainda a possibilidade na captação de recursos através de renuncias tributárias, doações, campanhas de crowdfunding (vaquinha),.......etc.
Com apoio do Sr. Lincoln Reis e um consultor do terceiro setor, Sr. José Carlos S. Barros, estivemos reunidos com o Secretário Municipal de Defesa da Cidadania de Santos, Sr. Carlos Mota, solicitando a criação de uma lei municipal que garanta o direito a acessibilidade das pessoas ostomizadas com a criação de banheiros adaptados de uso público no município. Vários municípios no Brasil já garantem esse direito aos ostomomizados. Sr. Carlos Mota apóia a criação da nossa instituição e se dispôs à nos apoiar, tão logo estejamos constituídos legalmente. Muitas pessoas ostomizadas hesitam em sair de suas casas e ter uma vida social em função da preocupação com o esvaziamento de sua bolsa coletora fora da residência.
No futuro, planejamos iniciar uma campanha junto a bares e restaurantes para que também adaptem seus banheiros para receber pessoas ostomizadas, inclusive através da imprensa. Pretendemos ir além, estudamos a criação de um aplicativo que possa orientar os ostomizados à se dirigirem à restaurantes, bares e estabelecimentos comerciais que possuam banheiros adaptados.Bom para o comerciante e excelente para nós.

     Se você ficou interessado, entre em contato para realizarmos uma reunião de apresentação pessoal e de propostas.

Atenciosamente,
Marcelo M. Andrade
celular e WhatsApp: 13 - 981123722
face 
https://www.facebook.com/mmartins.andrade